Indústria de alimentos é atrativo para construção civil em 2013

Previsões de crescimento do setor incentivam investimentos 
em obras para suprir demanda recorrente

As estimativas de crescimento da indústria alimentícia em 2013 prometem movimentar o setor da construção civil no Brasil. Segundo dados do SENAI, a estimativa é de que sejam gerados 174,6 mil empregos no setor até 2015, e com isso, maior será a probabilidade de investimentos em novas unidades no ramo.

Segundo o diretor da Emadel Engenharia e Obras, Luiz Alberto Langer, o aumento da procura por produtos alimentícios tem gerado interesse constante dos empresários na ampliação dos negócios, fato importante para a construção civil. “O cenário é favorável. Com o crescimento contínuo da população mundial e da ampliação do agronegócio no Brasil, há, consequentemente, uma demanda maior por construções que possam suprir essa necessidade”, avalia o diretor.

Fonte: pautas.incorporativa.com.br