Construção civil gerou 149 mil novos empregos em 2012

Setor registrou aumento de 5,17% nas contratações no ano

Foi criado 1,3 milhão de postos de trabalho com carteira assinada no País no ano passado, indicando crescimento de 3,43% frente ao estoque de empregos em dezembro de 2011. O setor da construção civil gerou 149 mil empregos, registrando o crescimento de 5,17% no período. Os dados referentes ao Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) foram divulgados na última sexta-feira (25) pelo Ministério do Trabalho.

 

No total, foram registrados 21,6 milhões de admissões e 20,3 milhões de desligamentos no período, originando o saldo. Com exceção do setor dos serviços de utilidades públicas, todos os grupos de atividades econômicas sondados pelo índice apresentaram aumento de emprego.

De acordo com o ministro Brizola Neto, o resultado mostra que o Brasil respondeu positivamente aos efeitos da crise internacional. Ele acredita que o desempenho se deve às medidas adotadas pelo governo, como queda nas taxas de juros, desonerações diretas e indiretas e obras de infraestrutura, principalmente.

Todas as regiões apresentaram crescimento no emprego, sendo o Sudeste responsável pela criação, em todos os setores, de 655 mil postos de trabalho, o que representa um aumento de 3,20%. O Sul obteve 234 mil postos (3,41); o Nordeste, 190 mil (3,15%); o Centro-Oeste, 150 mil (5,33%); e o Norte, 71 mil (4,20%). São Paulo foi o estado que mais gerou emprego no ano, com 336 mil novos postos, seguido por Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul.

Fonte: piniweb.com.br